A desocupação de 106 residências no bairro Pontas das Canas será tema de discussão de Audiência Pública amanhã, (22), às 19 horas, na Escola Básica Municipal Osvaldo Machado, no Norte da Ilha.

O encontro será realizado no âmbito da Comissão do Meio Ambiente da Câmara de Vereadores. A pauta da audiência prevê o debate sobre as condições de Ação Civil Pública (ACP) promovida pelo Ministério Público Federal, que pede a Prefeitura Municipal e a Floram (Fundação Municipal do Meio Ambiente) que notifique as propriedades em áreas já consolidadas.

Conforme o vereador Roberto Katumi Oda (PSD), que solicitou a audiência, através do Requerimento n. 434/2018, a proposta é promover o desdobramento das questões levantadas pelo Ministério Público Federal em ação ajuizada.

“É de extrema relevância trazer esse debate para o Legislativo e ajudar a defender as famílias humildes que estão vendo seus imóveis ameaçados. Espero que juntos possamos buscar a melhor solução possível para o caso”, disse Katumi.

Foram convidados a participar o Superintendente da Fundação Municipal do Meio Ambiente, o Procurador Geral do Município e o Ministério Público Federal.

Serviço

O quê: Audiência Pública para discutir a desocupação de Residências no Bairro Ponta das Canas.

Quando: Quinta-feira (22/11), às 19 horas.

Onde: Escola Básica Municipal Osvaldo Machado - Avenida Luiz Boiteux Piazza, n. 6514 - Ponta das Canas.

 

Quer receber as notícias no WhatsApp?