Projeto é desenvolvido pelo Sebrae e a empresa Citimar | Imagem Divulgação

Projeto é desenvolvido pelo Sebrae e a empresa Citimar | Imagem Divulgação

Para qualquer pessoa que visita um ambiente novo é sempre interessante contar com informações detalhadas e guias sobre os locais visitados. Para facilitar o acesso aos dados de turistas e moradores da Costa Verde & Mar, mais de 80 atrativos turísticos dos 10 municípios da região passam a contar com os Beacons. Oito atrativos de Penha foram incluídos no programa: Praia da Paciência, Praia da Saudade, Praia de Armação do Itapocorói, Praia Vermelha, Praia de São Miguel, Barco Pirata Capitão Gato, Capela de São João Batista e Beto Carrero World.

A tecnologia funciona como um guia virtual e passa a operar quando a pessoa chega a 70 metros de distância do Beacon, pois ele emite um sinal que é recebido pelo smartphone ou tablet do visitante. A medida com que a pessoa se desloca, o dispositivo envia para o smartphone e tablets as informações dos pontos cadastrados de acordo com local que a pessoa está vendo no momento.

Aqueles que utilizam tecnologia Android recebem o contato de maneira instantânea, sendo necessário apenas deixar o GPS e o bluetooth ligados, além do acesso à internet. Já os usuários de IOS precisam fazer download do App TagCity. O aplicativo também possui recurso de acessibilidade para deficientes visuais. Os locais foram selecionados com base no Roteiro Cultural e nos principais atrativos da Costa Verde & Mar.

“Esse projeto está apenas no início”, explica o secretário de turismo de Penha Arnaldo Dias. “A medida que ele se consolide a tendência é ser inclusas mais praias e outros pontos turísticos de Penha”, garantiu.

A instalação dos dispositivos aconteceu entre os meses de fevereiro e abril. A partir de maio, a tecnologia será aplicada em fase de testes para aprimoramento da ferramenta. Neste período, serão instaladas placas de Espaço Inteligente, para informação sobre a internet das coisas. “Espera-se que estes dispositivos criem um mapa do turista em tempo real, com informações conectadas e identificação, por exemplo, do tempo de permanência nos pontos turísticos. Esta análise poderá fomentar mudanças, criar ações e aumentar as possibilidades para o turismo da região”, acrescenta Arnaldo.

Os dispositivos foram desenvolvidos pela startup catarinense Smart Tour Brasil em parceria com o aplicativo TagCity. A utilização dos Beacons é uma iniciativa da Entidade Intermunicipal de Turismo na Costa Verde & Mar, Sebrae SC e faz parte do projeto Destinos Inteligentes que apoia o uso da Internet das Coisas e a tecnologia para o aprimoramento dos trabalhos e atrativos locais.

*Com informações de assessoria de imprensa