Longe de asfaltos, prédios, carros e da movimentação dos centros urbanos. Os apaixonados pela natureza e por esportes radicais ganharam mais um atrativo para desbravar as paisagens em meio a um cenário deslumbrante na região.

Desenhado inicialmente em 2017, o Circuito de Cicloturismo do Vale do Itapocu foi lançado oficialmente neste sábado (10), no Parque Municipal de Eventos de Jaraguá do Sul, durante o Jaraguá Mix.

O Circuito é dividido em duas partes, contemplando as belezas naturais da serra e do meio rural, e por outro lado a versão natural das paisagens litorâneas, objetivando a passagem por estradas de terra no interior dos municípios participantes.

Foto Eduardo Montecino/Arquivo OCP News

No trajeto, que soma 250 quilômetros, os aventureiros irão poder percorrer o percurso em cinco dias, onde irão passar pelos municípios de Jaraguá do Sul, Guaramirim, Schroeder, Corupá, Massaranduba e Pomerode.

De acordo com o diretor de Turismo de Jaraguá do Sul, Marcelo Nasato, o projeto já está com o mapeamento finalizado, faltando apenas a instalação das placas de sinalizações ao longo do percurso. Segundo Nasato, os esportistas podem realizar o trajeto utilizando mapas disponíveis para download no site do projeto.

O circuito Mar será contemplada pelos municípios de Barra Velha, São João do Itaperiú e Massaranduba.

"Tem seus graus de dificuldades, com um nível de exigência média. Mas para quem gosta de se desafiar e ir além da rota principal, nós mapeamos quatro lugares com um nível de dificuldade técnica acentuada", explica Nasato.

Entre os lugares, Marcelo destaca o Morro das Antenas, Estrada do Manso, e Rio do Júlio. O projeto teve um investimento de aproximadamente R$ 40 mil, o que inclui o levantamento técnico, elaboração e impressão do guia de cicloturismo.

Impulsionando o turismo

Além de proporcionar lazer, diversão e superação aos cicloturistas, um dos objetivos do projeto é alavancar o turismo do município. Diante disso, na última semana, ocorreu uma capacitação com 55 empreendimentos da microrregião.

Na ocasião, foram abordadas informações a serem repassadas aos ciclistas nos pontos de apoio para proporcionar infraestrutura, conforto, alimentação e segurança aos que apreciam esse tipo de modalidade.

Para alavancar o projeto, Nasato explica que a organização vai realizar a divulgação em sites de revistas especializadas.

Como uma boa apreciadora do esporte, a diretoria do Convention Bureau, Edilma Lemamhê, se diz satisfeita com roteiro apresentando. "Eu como ciclista, acredito no potencial do cicloturismo aqui na região. Tenho certeza que todos serão beneficiados com este novo marco esportivo", comemora.

 

Receba as notícias do OCP no seu aplicativo de mensagens favorito:

WhatsApp

Telegram

Facebook Messenger