As áreas de lazer e parques multiuso da cidade estão fechadas a partir desta semana para evitar a aglomeração de pessoas.

A medida visa, de acordo com a secretária de Cultura, Esporte e Lazer (Secel), Cleide Mosca, diminuir a contaminação pelo coronavírus.

As regras para utilização dos espaços públicos, estabelecidas em decreto municipal, previam prática individual de exercícios, sem aglomeração e permanência.

“Precisamos, neste momento, diminuir o fluxo de pessoas. A população precisa se conscientizar de que cada um deve fazer a sua parte, tendo os devidos cuidados de higienização e evitando aglomerações. Só assim, com a união de esforços, venceremos esta batalha”, diz a secretária.

Arena Jaraguá, Parque Via Verde, área esportiva do Centro de Artes e Esportes Unificados (CEU) Mestre Manequinha e Ginásio Arthur Müller estão fechadas.

A partir desta quarta-feira (22), o acesso à pista de atletismo também será interrompido.

Trata-se de apoio aos profissionais da Polícia Militar e da Vigilância, que seguem com fiscalização no município para fazer valer os decretos municipal e estadual sobre a pandemia.

Decisão de fechar áreas acontece em momento crítico da pandemia

A decisão de fechamento tem o aval do Comitê Extraordinário Covid-19, num momento considerado crítico da pandemia na cidade, com aumento no número de casos confirmados significativo na última semana e de óbitos.

O boletim epidemiológico divulgado na segunda-feira (20) pela Prefeitura apontou mais três mortes ocasionadas em decorrência do coronavírus, subindo de seis para nove as vítimas fatais.

O mesmo boletim aponta para 779 casos confirmados. Entre os dias 12 a 18 de julho, 256 novos casos de coronavírus foram confirmados em Jaraguá do Sul.

O agravamento da situação resultou em novo decreto no município, que proibiu desde a segunda-feira a circulação do transporte coletivo, realização de cultos e missas presenciais e treinamentos coletivos e individuais de contato.

De acordo com o secretário de Saúde, Alceu Moretti, o momento é delicado e apresenta aumento de casos em Santa Catarina e na região da Amvali (Associação do Municípios do Vale do Itapocu).

Por isso a decisão de fechamento dos parques, praças e áreas de lazer se faz necessária.

Foto Eduardo Montecino/PMJS

A presidente do Comitê, Emanuela Wolff, disse que Jaraguá do Sul, provavelmente, enfrenta o pico do contágio, o que exige medidas mais restritivas.

“Agora é hora de apertar, de ficar em casa sempre que puder, de reforçar os hábitos de higiene. Por sua vez, o poder público está aumentando as restrições e intensificando as operações de fiscalização”, pondera.

A fiscalização das medidas ocorre por meio da Vigilância Sanitária e da Polícia Militar.

A equipe de fiscais foi reforçada e o 190, da PM, ficou definido como canal oficial para receber denúncias da população.

No mês de junho, foram 81 as denúncias. O 190 da Polícia Militar teve um aumento de cerca de 30% nas denúncias, no mesmo período.

Com informações da assessoria de comunicação da Prefeitura de Jaraguá do Sul.

 

Quer mais notícias do Coronavírus COVID-19 no seu celular?

Mais notícias você encontra na área especial sobre o tema:

Receba as notícias do OCP no seu aplicativo de mensagens favorito:

WhatsApp

Telegram Jaraguá do Sul