Os moradores de Schroeder estão reclamando da falta de atendimento da única lotérica do município. A lotérica Roma, localizada em frente à prefeitura, já está com as portas fechadas há três semanas. Na porta, um recado dá conta de um problema no “sistema”, situação que não é aceita pelos moradores que se manifestam pelas redes sociais.

Um comunicado chegou a ser realizado em nome da Câmara de Vereadores, com o nome da presidente, Marina Fernandes, onde o relato era de que as portas seriam reabertas na última segunda-feira (16). Filas chegaram a se formar na porta, mas, não passou de boato pois a mesma continuou sem atendimento.

O prefeito de Schroeder, Osvaldo Jurck, relatou que entrou em contato com o gerente da agência da Caixa de Schroeder para tomar providências. Segundo o gerente da Caixa Econômica de Schroeder, Deyvison Fábio Vieira, ainda nessa semana deverá ocorrer a reabertura.

“Já estamos nos finalmente, precisávamos de autorizações para reabrir. Nessa quarta teremos mais uma reunião e aí devemos alinhar todos os detalhes”. Segundo ele, o fechamento se deu para “ajustar” a maneira de gestão da lotérica para dentro do que a CEF pede, e por isso precisaram ocorrer negociações.

Receio é de que ocorra situação igual a de Guaramirim

O que os moradores não querem é que Schroeder passe pelo mesmo que passou Guaramirim. Após um ano e três meses fechada, somente no ano passado a Lotérica do município voltou a abrir as portas.

De acordo com o responsável pela lotérica, o empresário Nilo Martini, a retomada dos serviços demorou um pouco mais do que o esperado em função dos trâmites burocráticos.

A lotérica de Guaramirim foi fechada em fevereiro de 2016 após o descumprimento de uma cláusula contratual do antigo responsável.

Quer receber as notícias no WhatsApp?