Um caso curioso aconteceu na Nova Zelândia, onde um homem ficou com uma barata em seu ouvido por três dias sem saber.

Segundo o jornal “The Guardian”, Zane Wedding pensou que o problema era apenas água no ouvido, pois tinha nadado em uma piscina e adormecido no sofá.

No dia seguinte, Zane acordou com o ouvido entupido e a com uma sensação estranha de que havia algo se mexendo lá dentro.

Ao chegar no médico, ele teve seu ouvido lavado com uma seringa e recebeu antibióticos.

A médica sugeriu que ele utilizasse o secador para secar o lado da cabeça e pediu que retornasse se ainda continuasse sentindo o incômodo.

“Imediatamente depois, me senti muito pior”, disse Zane.

Zane não conseguia escutar de um ouvido e não conseguiu dormir. Ainda segundo ele, o secador não ajudou.

“Estou cozinhando [com o secador] desde sábado”, brincou.

Na segunda-feira (10), a médica voltou a consultá-lo.

“Literalmente, no segundo em que ela olhou, ela disse: ‘Oh meu Deus… acho que você tem um inseto no ouvido'”, lembrou.

Foi usado um dispositivo de sucção e uma pinça para puxar a barata, que já estava morta. Após alguns minutos o inseto foi retirado e foi dado de presente a médica, por ela nunca ter visto algo parecido.