O presidente da Associação de Municípios da Região Carbonífera, Jorge Koch, após assembleia geral realizada com demais prefeitos nesta quinta-feira, descartou a possibilidade de lockdown para os próximos dias como forma de frear o contágio da Covid-19 no Sul catarinense.

A região irá seguir o decreto do Governo do Estado, de medidas mais restritivas durante o fim de semana.

“A gente espera que todos cumpram essa determinação do Governo. Os 12 municípios da AMREC, de forma unânime, decidiram cumprir o decreto do governador e descartaram a possibilidade de um lockdown. Nós vamos entrar em contato com Tubarão e dizer que a gente não vai fazer o lockdown junto com a Amurel e vamos cumprir o decreto do governador, junto com a Amesc”, ressaltou Koch.

Segundo ele, vários assuntos foram tratados na reunião, mas o principal foi em relação à Covid-19.

“Hoje nós temos 54 pessoas da macrorregião Sul - Tubarão, Criciúma e Araranguá -, rumo à UTI. Dos dez leitos do Hospital do Rio Maina, seis já foram ocupados e tem quatro vagas aguardando a regulação”, acrescentou.