Participantes do BBB 11, em 2011 | Foto: Globo/Reprodução
Participantes do BBB 11, em 2011 | Foto: Globo/Reprodução

Em processo movido por um homem que teve sua imagem exibida por engano na 11ª edição do Big Brother Brasil (BBB), em 2011, a TV Globo teve pouco mais de R$ 204 mil de contas penhoradas pela Justiça de São Paulo.

Igor Saracene Pachi acionou os tribunais alegando que teve imagens pessoais veiculadas na internet pela emissora como se tivesse sido selecionado para o BBB daquele ano e ele sequer foi chamado para o reality show.

Ele entrou com ação por danos morais contra a Globo e venceu em todas as instâncias, sendo que não cabe mais recursos.

 

Receba as notícias do OCP no seu aplicativo de mensagens favorito:

WhatsApp

Telegram Jaraguá do Sul