Após implantação da solução Aprova Digital no Centro de Planejamento Urbano e capacitação de engenheiros e arquitetos do município, o Governo de Criciúma aceitará apenas documentos de maneira on-line para a análise de novas obras no setor.

A medida começa a valer a partir da próxima segunda-feira (17) e faz parte da ação Agiliza, uma iniciativa que busca desburocratizar e dar mais transparência e celeridade nos serviços do poder público municipal.

“Nós queremos migrar tudo para o digital, por isso não vamos aceitar mais processos físicos. Os que já estão tramitando nesse formato segue assim, mas os novos serão aceitos apenas pela plataforma Aprova Digital”, revelou o diretor de Desenvolvimento Econômico, Tecnologia e Inovação, Aldinei Potelecki.

O propósito da iniciativa é dar maior celeridade, eficiência e transparência nos serviços do Centro de Planejamento Urbano, que vêm sendo informatizados desde o início do ano.

Iniciativas

Em fevereiro, por exemplo, a prefeitura aderiu a solução Aprova Digital, passou a oferecer gradativamente cinco serviços de maneira 100% digitais e capacitou engenheiros e arquitetos do município para mexer na plataforma. No mesmo mês, lançou também a ação Agiliza, que ampliou o horário de atendimento e buscou zerar todos os processos físicos em andamento.


Receba as notícias do OCP no seu aplicativo de mensagens favorito:

WhatsApp