Pela primeira vez na cidade de Blumenau as equipes de segurança e militares colocaram em prática o protocolo de segurança para evacuação em uma unidade hospitalar. O 1º Simulado de Preparação para Desastres em Hospitais realizado no Hospital Santa Isabel neste sábado, 09, mobilizou 236 profissionais entre médicos e enfermeiros, bombeiros, militares, servidores estaduais e municipais, entre outros.

A inédita ação contou também com o aparato de 38 viaturas, entre ambulâncias, caminhões, motocicletas, incluindo a aeronave do Arcanjo. Assim que o alarme de incêndio ecoou na UTI Geral, os brigadistas da instituição acionaram o 3º Batalha de Bombeiros Militar e imediatamente se iniciou a evacuação das unidades atingidas.

Bases operacionais foram montadas dentro do hospital e de prontidão o GRAC (Grupo de Ações Coordenadas) foi acionado para gerenciar e conduzir a situação. Conforme a triagem da equipe médica ocorria a evacuação das vítimas afetadas foi conduzida e deslocada para o Hospital Santo Antônio, Hospital Santa Catarina e Complexo Integrado de Saúde da FURB, que ficaram responsáveis por acolher os pacientes transferidos.

Simultaneamente o trabalho continuou, seja no atendimento e resgate, como na retaguarda da situação, prestando atendimento a familiares, imprensa e comunidade em geral, para evitar o pânico. O GRAC se manteve ativo gerenciando a operação até que toda evacuação foi concluída e o incêndio, por fim controlado. Entre as 30 vítimas fictícias, um suposto óbito foi simulado.

O prefeito Mário Hildebrandt, enaltece este tipo de treinamento proposto pela Defesa Civil. “O triste episódio ocorrido na noite de quinta-feira na fábrica no bairro Salto do Norte, nos mostra que qualquer estabelecimento e construção estão sujeitos a este tipo de situação, e nós precisamos sempre estar preparados para contornar adversidades e resguardar as vidas humanas”, salienta.

Do mesmo modo, o secretário da pasta, Carlos Olímpio Menestrina, reforça que o conhecimento teórico precisa ser testado na prática. “Nossos profissionais são capacitados a atuar em diversas situações e nada melhor que propor um desafio desta complexidade. Nele nós podemos avaliar como evolui o trabalho em sintonia com as demais instituições envolvidas e revisar o que precisa ser melhorado, caso haja alguma ocorrência desta magnitude”, reforça.

Receba as notícias de Blumenau e região pelo WhatsApp clicando aqui.