Desde o dia 10 de abril, 700 kg de alimentos foram apreendidos pelo Procon em Florianópolis. Fiscalização acontece em supermercados e padarias da capital, com o objetivo de garantir a qualidade dos produtos ofertados nos estabelecimentos. As equipes verificam os padrões de armazenagem e conservação exigidos pelo fabricante e o prazo de validade. Fatores que, se descumpridos, podem trazer danos à saúde de quem compra. Dos 14 locais visitados até agora pelo Procon, apenas 2 estavam dentro das normas. Os outros 12 foram autuados, sendo 11 com produtos fora do prazo de validade nas prateleiras e 7 com acondicionamento de produtos de forma inadequada. Somando um total 686,66kg de alimentos apreendidos. A maioria dos produtos foram levados para descarte na Comcap e, em alguns casos, acabaram inutilizados no próprio estabelecimento. Agora, as empresas autuadas tem o prazo máximo de 10 dias para defesa. Em seguida, será feita análise do procedimento administrativo. No caso da confirmação pela irregularidade, a empresa poderá ser penalizada com multa ou até com a suspensão do alvará de funcionamento. Na próxima semana, começa uma nova ação do Procon, em parceria com equipes da Vigilância Sanitária, em restaurantes e padarias de Florianópolis.