Você sabia que desde fevereiro o Arquivo Histórico José Ferreira da Silva trabalha junto com o Arquivo Histórico do Museu Imperial de Petrópolis para buscar informações sobre a troca de correspondências do Dr. Blumenau? Na última sexta-feira (14), a Fundação Cultural de Blumenau conseguiu a digitalização do material que faz parte do acervo particular da Família Imperial.

No total, são 50 documentos que fazem parte desse acervo, sendo cartas, ofícios e relatórios. No conteúdo das cartas, por exemplo, há pedidos para quitar dívidas, textos escritos em português e assinados pelo Dr. Blumenau. Como curiosidade, ainda precisa ser desvendado se foi um copista que traduziu ou se foi o próprio quem escreveu.

Foto: Divulgação/Fundação Cultural de Blumenau

Todo o material será transcrito para o português e disponibilizado para a comunidade. Também serão publicados na Revista Blumenau em Cadernos. As pesquisas sobre documentos do fundador da cidade continuam na Alemanha, onde se encontra a historiadora e diretora do Arquivo Histórico, Sueli Petry. Todo o material fará parte da exposição de comemorações dos 200 anos de nascimento do fundador da cidade, Hermann Bruno Otto Blumenau.

Quer receber as notícias no WhatsApp?