Quatro pessoas foram presas por gestos racistas e nazistas durante o jogo entre Paris Saint-Germain e Juventus na última terça-feira (6), em Paris, pela primeira rodada da Liga dos Campeões da Europa.

Eles foram flagrados pelo circuito interno de câmeras do Estádio do Parque dos Príncipes, casa do PSG.

“Quatro indivíduos foram identificados por vídeo e depois presos ontem à noite (6 de setembro) pela polícia por provocação pública ao ódio racial no contexto de uma arena esportiva, durante a partida de futebol do #PSGJuve. Uma investigação foi aberta”, publicou a polícia nas redes sociais.

Os quatro suspeitos eram torcedores da Juve, que aparecem nas imagens imitando macacos em direção aos adeptos do PSG, além de reproduzirem a saudação nazista com o braço esticado e a palma da mão aberta.