Número 16 do mundo no tênis, Denis Shapovalov teve um ataque de fúria nesta segunda-feira (9), em sua estreia do Masters 1.000 de Roma.

Enquanto discutia um lance de saque com o árbitro da partida, o canadense foi vaiado pela torcida, acabou se irritando e mandou os presentes ficarem em silêncio: "Cala a boca, p****!", disse.

Shapovalov acabou sofrendo uma penalidade de pontuação, mas não pelo xingamento e sim por pular a rede e chamar o juiz para mostrar uma marca no saibro, o que é uma violação do código, já que os tenistas precisam ficar no seu lado da quadra ao questionar uma marca.

A cena ocorreu no meio do segundo set. Apesar da confusão, Shapovalov venceu o italiano Lorenzo Sonego por 2 sets a 1 (parciais de 7/6 (5), 3/6 e 6/3) e garantiu vaga na segunda fase do torneio.