PSG e Istanbul Basaksehir retomaram a partida que deveria ter acontecido na terça-feira (8), mas foi suspensa pela acusação de racismo contra o quarto árbitro Sebastian Coltescu.

Em duelo que fechou o Grupo H da Liga dos Campeões, o brasileiro Neymar, um dos símbolos da paralisação na véspera, foi o destaque do jogo no Parque dos Príncipes ao marcar três gols na vitória do time francês por 5 a 1.

Mbappé, outro personagem importante do caso da última terça, marcou dois, e Topal descontou.

Com o resultado, o PSG se classificou ao mata-mata da Champions em primeiro lugar da chave, seguido pelo RB Leipzig.

Jogadores fizeram protestos antes da bola rolar | Foto: Getty Images

Além do show de Neymar, o confronto foi marcado por protestos contra o preconceito. Antes da bola rolar, os jogadores usaram camisas com os dizeres "não ao racismo", mesma frase utilizada em bandeirões na arquibancada.

Os atletas dos dois times ainda ajoelharam no gramado e ergueram o braço em mais um gesto de protesto, durante o emblemático hino da Liga dos Campeões.

Veja os melhores momentos do jogo

 

Receba as notícias do OCP no seu aplicativo de mensagens favorito:

WhatsApp

Telegram Jaraguá do Sul