O dia 19 de novembro ficará marcado para sempre na memória dos amantes do futebol. Foi exatamente nesta data, em 1969, que Pelé marcou o milésimo gol de sua brilhante carreira.

O feito que completa hoje 51 anos foi atingido em cobrança de pênalti na vitória do Santos sobre o Vasco por 2 a 1, no Torneio Roberto Gomes Pedrosa (o Campeonato Brasileiro da época).

O local para o gol histórico não poderia ser mais emblemático: o Maracanã, o principal estádio brasileiro.

O goleiro argentino Edgardo Norberto Andrada, apelidado de “El Gato”, tentou adivinhar o canto e pulou para o lado esquerdo. Mas foi em vão.

Pelé bateu no outro lado e fez a festa dos 65.157 espectadores no estádio que celebraram como uma torcida única o gol do time visitante.

Foto: Reprodução/Twitter

Após balançar as redes, Pelé foi direto buscar a bola e lhe dar um beijo, sendo cercado por uma multidão de jornalistas e fotógrafos que invadiram o campo.

Além do gol 1000, foi lá que o Rei do Futebol fez a sua estreia pela Seleção (marcando um gol diante da Argentina em 1957) e na qual fez um dos tentos mais bonitos da carreira, diante do Fluminense, em 5 de março de 1961, em jogada que deu origem ao termo "gol de placa".

Até hoje, Pelé segue como o maior artilheiro da história do esporte bretão, com 1.281 gols em 1.363 jogos disputados.

Veja o gol 1000 de Pelé

 

Receba as notícias do OCP no seu aplicativo de mensagens favorito:

WhatsApp

Telegram Jaraguá do Sul