Confronto teve tons dramáticos em Belo Horizonte (MG) | Foto: Orlando Bento
Confronto teve tons dramáticos em Belo Horizonte (MG) | Foto: Orlando Bento

Assim como na última rodada da primeira fase, quando fizeram um jogo de nove gols, Jaraguá Futsal e Minas voltaram a protagonizar um grande confronto na Liga Nacional, na noite desta segunda-feira (15).

Desta vez, em um encontro mais decisivo, válido pela ida das oitavas de final, as equipes ficaram no empate em 3 a 3, na Arena Minas Tênis Clube, em Belo Horizonte (MG).

Mesmo jogando fora de casa e sem o técnico Fernando Ferretti e seu auxiliar Renato Vieira, que não viajaram por problemas de saúde, o time jaraguaense que foi comandado pelo preparador físico Serginho Santana teve bom volume de jogo e ficou muito perto da vitória.

Lance do jogo | Foto: Orlando Bento

Após sair atrás do placar, com gol de Pequeno no fim do primeiro tempo, o aurinegro buscou a virada na etapa final e ficou duas vezes à frente do marcador, com gols de Diego Menezes, Yuri e Pett.

Porém, a equipe mineira conseguiu arrancar o empate, com dois tentos de Zequinha, sendo o último faltando poucos segundos para o fim.

“Foi um jogo complicado, bem trucado e ninguém conseguiu abrir uma boa vantagem no placar. Ficamos duas vezes à frente e demos mole no final. Mas futsal é assim, um esporte emocionante até o fim. Agora, vamos trabalhar durante a semana para fazer bem o dever de casa e sair com a vaga na próxima fase”, avaliou o ala/pivô Diego Menezes.

O duelo de volta acontece na próxima segunda-feira (22), às 20h15, na Arena Jaraguá. Quem vencer garante vaga direta às quartas de final para pegar os gaúchos do Atlântico ou Assoeva.

Em caso de novo empate, o jogo irá à prorrogação, com os donos da casa tendo a vantagem de jogar por uma nova igualdade, já que teve melhor campanha na fase classificatória.

Ingressos para jogo da volta

A diretoria do Jaraguá Futsal já abriu a venda de ingressos para o confronto de volta das oitavas de final, na Arena.

Com valor promocional de R$ 10, as entradas podem ser adquiridas antecipadamente nos Postos Mime (WEG, Matriz, Marcola e Zuza), Supermercados Rancho Bom (Schroeder, Barra do Rio Cerro, Jaraguá Esquerdo, Amizade e Vieiras), Uvel Chevrolet, Fanatikos Licenciados, Sport+, Restaurante do Espeto e Radio Studio FM.

Para quem for adquirir o ingresso na bilheteria da Arena, na hora do jogo, o custo será de R$ 20, com opção de meia-entrada por R$ 10.

Minas 3x3 Jaraguá

O primeiro tempo foi de muita intensidade e com bons momentos para as duas equipes. Quando conseguiam furar as defesas bem postadas, tanto o ataque do Jaraguá como do Minas esbarravam em boas intervenções dos goleiros Jean Reis e Bianchini.

Mas quando parecia que o confronto iria para o intervalo sem gols, o time mineiro conseguiu abrir o placar. Restando apenas 44 segundos, Bruninho arriscou de longe, a bola desviou em Diego Menezes e sobrou limpa para Pequeno, que chutou no canto direito para colocar os donos da casa em vantagem.

O ritmo acelerado se manteve na etapa final, que ganhou ainda mais emoção e uma chuva de gols. Após uma boa chance para cada lado nos primeiros quatro minutos, o aurinegro chegou ao empate, aos 6.

Em ótima trama ofensiva, Poletto deu lindo passe para Diego Menezes na segunda trave, que só empurrou para as redes.

Foto: Orlando Bento

O empate animou a equipe jaraguaense, que conseguiu a virada menos de um minuto depois. Em cobrança de escanteio, Fernando achou Yuri sozinho na área, que não perdoou e fez 2 a 1.

Com a vantagem, o Jaraguá recuou e passou a apostar nos contra-ataques. E com essa estratégia, quase ‘matou’ o jogo, aos 13, com Pett, que parou em grande defesa de Bianchini.

Faltando seis minutos para o fim, o Minas foi para o tudo ou nada e colocou Tom como goleiro-linha. E deu certo. Aos 17, Ciço tocou para Zequinha, que empatou.

Quando a partida se encaminhava para o fim, o aurinegro marcou o terceiro faltando apenas 40 segundos. Oitomeia roubou a bola de Zequinha e serviu Pett, que, sem goleiro, voltou a colocar o Jaraguá na frente.

Mas praticamente na saída de bola, o time jaraguaense falhou na defesa e Zequinha, sem marcação, deixou tudo igual de novo.

LEIA TAMBÉM: Atleta do Jaraguá Futsal é convocado pela primeira vez para seleção brasileira

ARTILHARIA

15 gols – Pett
11 gols – Diego Menezes
7 gols – Oitomeia
7 gols – Walex
3 gols – Daniel
3 gols – Vitor Hugo
3 gols – Diego Passamani
3 gols – Fernando
3 gols – Yuri
2 gols – Torres
2 gols – João Guilherme
2 gols – Poletto
1 gol – Marcio


TABELA

-

Quer receber as notícias no WhatsApp?