O Figueirense não poderá contar com um dos principais responsáveis pela recuperação do time nos próximos jogos da Série B do Campeonato Brasileiro.

O técnico Jorginho, que comandou o Juventus no Estadual, testou positivo para Covid-19 e não estará com a equipe nos confrontos contra o Oeste, neste sábado, dia 2 de janeiro, e diante do CSA, na próxima sexta-feira (8).

Além do treinador, o preparador físico Alexandro Jackson, também ex-Juve, e o roupeiro Júlio César foram infectados pela doença.

Segundo comunicado oficial do clube da capital, o trio está em isolamento e sendo monitorado pelo departamento médico até o retorno aos trabalhos.

 

Telegram Jaraguá do Sul