Após a categoria feminina ser finalizada no mês de março, foi a vez da Confederação Brasileira de Voleibol anunciar o fim da Superliga Masculina 2019/2020 por conta da pandemia do novo coronavírus.

A decisão foi tomada nesta segunda-feira (20), em uma votação entre os clubes por videoconferência. Foram oito votos a favor e cinco contra.

Votaram pelo encerramento da competição: Campinas (SP), Taubaté (SP), Ribeirão Preto (SP), Itapetininga (SP), Caramuru Vôlei (PR), Maringá Vôlei (PR) e Sesc RJ, além da Comissão de Atletas.

Já pela continuidade, votaram Cruzeiro (MG), Minas (MG), América Vôlei (MG), Blumenau (SC) e Sesi-SP.

 

Receba as notícias do OCP no seu aplicativo de mensagens favorito:

WhatsApp

Telegram

Facebook Messenger