Nesta quinta-feira (4), o STJD indeferiu o pedido do Vasco para anulação do jogo contra o Internacional, que aconteceu no dia 14 de fevereiro, em São Januário, pela 36ª rodada do Campeonato Brasileiro.

O clube carioca perdeu por 2 a 0, mas alegou erro de direito na validação do gol de Rodrigo Dourado, o primeiro do Inter na partida, em que o VAR não funcionou para avaliar um possível impedimento.

Apesar da decisão que confirma o rebaixamento do cruzmaltino à Série B, cabe pedido de reconsideração por parte do Vasco, que já confirmou que vai entrar com recurso.

O presidente do Superior Tribunal de Justiça Desportiva, Otávio Noronha, afirmou que não houve "erro de direito" na validação do gol de Rodrigo Dourado, diferentemente do que defendia o Vasco.

Noronha ainda destaca que a decisão do STJD foi tomada de forma unânime e, no fim de seu despacho, mandou arquivar o caso.

*Fonte: GE