Foto Divulgação
Foto Divulgação

Fumar em repartições públicas, teatro, cinema e eventos esportivos será proibido no Brasil. A proposta, apresentada pelo senador Eduardo Girão (Podemos) e relatada por Romário (Pode), foi aprovada na Comissão de Assuntos Sociais do Senado.

A medida será introduzida no Estatuto de Defesa do Torcedor e na Lei Antifumo.

"A gente quer proteger essas pessoas dos prejuízos causados pelo cigarro. São R$ 57 bilhões gastos por ano pelo Sistema Único de Saúde, além das milhares de vidas perdidas", disse Girão.

No ponto de vista de Romário, o mal causado pelo fumo é tão evidente que não há quem queira, hoje, perpetuar esse vício.

“Quem fuma quer parar e não recomenda que amigos e familiares adotem o mau-hábito. Quem não fuma não pensa em começar. De acordo com a Organização Mundial da Saúde, o consumo de fumo matou em 2017 mais de sete milhões de pessoas", observou Romário.

 

Com informações da Agência Senado

 

Receba as notícias do OCP no seu aplicativo de mensagens favorito: 

WhatsApp  

Telegram  

Facebook Messenger