Atendendo um pedido da Polícia Militar de Santa Catarina, a Federação Catarinense de Futebol (FCF) confirmou nesta quinta-feira (31), o adiamento da primeira rodada da Série B do Campeonato Catarinense, que estava previsto para este domingo, dia 3 de junho.

O motivo alegado pela PM foi a impossibilidade da corporação em garantir a presença do policiamento nos cinco jogos de abertura da competição. Com isso, todas as partidas foram remarcadas para o dia 10 de junho, entre eles, o confronto entre Juventus e Guarani de Palhoça, no estádio João Marcatto.

"Para nós tem um lado positivo (o adiamento) por dois atletas terem saído do departamento médico essa semana e agora tem um tempo para recuperá-los, além de ganhar mais uma semana de trabalho para melhorar a parte técnica e tática do time", destacou Cleber Hernacki, gerente de futebol do Tricolor.