Nesta sexta-feira (5), o repórter Marcos Uchoa anunciou que está de saída da TV Globo. O histórico repórter esportivo deixa a emissora após 34 anos e com grandes coberturas na carreira como Olimpíadas e Copa do Mundo, por exemplo.

Entre os novos projetos, Uchoa pretender criar uma ONG, escrever livros, dar palestras, cursos e ajudar empresas na transformação da sociedade num lugar sempre mais justo.

"Fiz de tudo no jornalismo. Cobri olimpíadas, copas, guerras, revoluções, desastres. Mostrei muita gente fazendo muita coisa. Resolvi tentar fazer também. Em vez de entrevistar o piloto, ser o piloto", contou Uchoa ao ge.

A despedida do repórter será na segunda-feira (8), 22h, no programa Bem, Amigos, do Sportv, ao lado do amigo Galvão.

"Acho que foi uma conjunção de fatos a minha decisão de deixar o jornalismo agora. Cobri a epidemia de Covid pelo Fantástico, fiz a série ‘Retratos de uma Guerra Sem Fim’ no Globoplay e minha última entrevista foi para o Esporte Espetacular, no quadro Duplas Espetaculares. E logo quem? Zico e Júnior, ídolos da minha infância. Fiz de tudo na carreira. Queria uma novidade. Ajudar mais efetivamente as pessoas", disse.