Se na temporada regular o Portand Trail Blazers se deu melhor e garantiu a terceira colocação na Conferência Oeste, atrás apenas de Houston Rockets e Golden State Warriors, nos playoffs a história foi muito diferente. Com um Anthony Davis inspirado, o New Orleans Pelicans, que se classificou em sexto, não se deu conta do adversário e varreu a série com quatro vitórias.

A última vez que o time de New Orleans havia garantido uma série nos playoffs, a franquia ainda tinha “Hornets” no nome e Chris Paul, hoje estrela do Houston, era o armador da equipe. Agora, uma década depois, o Pelicans voltou a sentir o gostinho de uma semifinal da NBA e muito disso graças ao gigante Anthony Davis.

Além de Davis, quem assumiu o protagonismo foi Jrue Holiday. Juntos, os dois anotaram 88 dos 131 pontos da equipe – 41 de Jrue e 47 de Davis. A noite de sábado (28) foi especial e com um ginásio lotado, o Pelicans viu a vaga na semifinal ser garantida com uma vitória de 131 a 123 sobre o time de Portland.

Agora, os Pelicans esperam a definição do adversário que virá da série entre Golden State Warriors e San Antonio Spurs. O atual campeão da NBA também teve a chance de varrer a série, mas o time de Popovich garantiu a vitória com um ginásio clamando por Manu Ginobili e agora a série segue com vantagem do time da Califórnia que vence por 3 a 1 e pode encerrar a disputa nesta terça (24), quando os times voltam a se enfrentar, desta vez, em Oakland.