Foto: Divulgação/PSG
Foto: Divulgação/PSG

Segundo documentos revelados pela Agência Tributária da Espanha, Neymar é a pessoa física com maior débito a ser pago junto ao Fisco espanhol.

De acordo com o órgão, o brasileiro não pagou até 31 de dezembro de 2019 uma dívida de 34,6 milhões de euros (R$ 228 milhões) entre tributos e impostos.

O valor se refere aos quatro anos em que o brasileiro viveu no país quando jogava pelo Barcelona e à sua transferência ao PSG em 2017.

Na relação também aparecem alguns clubes da Espanha, como o Real Murcia (dívida de 10,7 milhões de euros) e o Hércules (3,7 milhões de euros a pagar).

 

Receba as notícias do OCP no seu aplicativo de mensagens favorito:

WhatsApp

Telegram Jaraguá do Sul