O narrador Jacir de Oliveira morreu nesta terça-feira (6), aos 48 anos, vítima da Covid-19. Ele estava internado na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) em um hospital de Curitiba (PR) desde o começo de junho, mas não resistiu as complicações da doença.

O profissional iniciou nas rádios CBN e Banda B, ambas de Curitiba, no fim dos anos 90. A entrada no esporte se deu nos anos 2000, também na Banda B, e Jacir ficou famoso pelo bordão "Tá lá, tá lá" em cada gol.

Atualmente, ele trabalhava na Rádio Transamérica, que lamentou o falecimento através de uma nota: "Descanse em paz, 'Homem do Tá Lá!".

Nas redes sociais, os principais clubes paranaenses, como Coritiba, Athletico, Paraná Clube, Londrina e Operário-PR também manifestaram pesar pela morte do radialista.