Comum em jogos de futebol, o ato de cuspir no campo pode virar punição a jogadores em tempos de coronavírus.

Em informação publicada pelo jornal inglês The Daily Telegraph, o presidente do comitê médico da Fifa (Federação Internacional de Futebol), o belga Michel D’Hooghe, sugeriu a medida para evitar a propagação da doença quando o futebol for retomado.

A recomendação seria aplicar um cartão amarelo ao atleta que cuspir no gramado. Para D’Hooghe, a prática é uma das razões pelas quais precisa-se ter muito cuidado antes de voltar com as partidas.

Antes mesmo da paralisação devido à pandemia, o futebol inglês já havia adotado uma medida para evitar a propagação da covid-19: os jogadores foram proibidos de apertar as mãos durante o protocolo pré-jogo.

 

Quer mais notícias do Coronavírus COVID-19 no seu celular?

Mais notícias você encontra na área especial sobre o tema:

Receba as notícias do OCP no seu aplicativo de mensagens favorito:

WhatsApp

Telegram Jaraguá do Sul