Líder do Partido Liberal Democrático, que governa o Japão atualmente, Toshihiro Nikai afirmou nesta quinta-feira (15) que cancelar as Olimpíadas de Tóquio de 2021 ainda é uma opção caso a situação da pandemia se agrave.

“Precisamos cancelar sem hesitação se eles (os Jogos) não forem mais possíveis. Se os contágios se propagarem por causa das Olimpíadas, não sei para que servem as Olimpíadas.Teremos de tomar uma decisão nesse ponto”, disse.

O Comitê Organizador dos Jogos reagiu com um comunicado em que disse que todos os envolvidos nos preparativos do evento continuam totalmente empenhados em realizá-los no verão local.

Como o Japão se encontra em uma quarta onda de infecções pela Covid-19, as dúvidas sobre a capacidade de Tóquio de sediar os Jogos voltaram à tona nas últimas semanas.

Neste momento, a média de novos casos é de 3.400 por dia, quatro vezes mais que um mês atrás.

As Olimpíadas tem início marcado para o dia 23 de julho.