A Câmara dos Deputados aprovou nesta quinta-feira (9) uma resolução que concede o título de cidadão honorário brasileiro a Lewis Hamilton, heptacampeão da Fórmula 1.

A proposta é de autoria de André Figueiredo (PDT-CE), que citou como uma das justificativa a homenagem feita pelo britânico a Ayrton Senna, no GP de São Paulo de 2021.

O piloto inglês usou um capacete com as cores do Brasil e repetiu Senna ao carregar a bandeira brasileira pelo autódromo após vencer a corrida.

"Acreditamos que o esporte e a celebração das vitórias nacionais, bem como as homenagens a nossos campeões, poderão nos ajudar a resgatar nossa bandeira como símbolo de união nacional", argumentou Figueiredo.

Relator da proposta, o deputado Jhonatan de Jesus (Republicanos-RR) disse que Hamilton tem uma proximidade “profunda e emocionalmente forte” com o Brasil, além de citar as opiniões do piloto em relação a assuntos sociais, como defesa dos animais, direito dos negros, das mulheres e de temas relacionados a direitos humanos.

O único voto contrário ao projeto foi do deputado Tiago Mitraud (Novo-MG), que falou das qualidades do piloto, mas ressaltou que o plenário deve ter outras prioridades.

Por ser uma resolução, o texto não precisar ir ao Senado e o título deverá ser entregue em sessão solene na Câmara, ainda sem data marcada.