Vindos de derrotas sofridas no fim de semana, as equipes do Juventus e Sport Club Jaraguá voltam a campo hoje para novos desafios fora de casa, na Série B do Campeonato Catarinense. Em confrontos válidos pela quinta rodada do returno, o Leão do Vale viaja até a cidade de Itaiópolis, onde enfrenta o Operário de Mafra, às 15h, no Estádio 16 de abril, enquanto o Moleque Travesso terá pela frente o Camboriú, às 20h, no Estádio Roberto Santos Garcia. OPERÁRIO DE MAFRA X SC JARAGUÁ 
Jaraguá busca diminuir distância para equipes à frente da tabela | Foto Eduardo Montecino/OCP
Jogo de seis pontos. O famoso jargão futebolístico pode ser utilizado perfeitamente pelo Sport Club Jaraguá para o duelo diante do Operário de Mafra. Afundado na lanterna da classificação geral da Série B com sete pontos, o Leão encara uma vitória contra o time mafrense como de suma importância na briga contra o descenso, já que pode diminuir a distância para três pontos em relação ao adversário, que ocupa a 8ª colocação. Além disso, uma das duas vitórias do Jaraguá na competição foi justamente sobre o Operário, em jogo realizado no dia 20 de julho, quando a equipe ainda era comandada por Paulo Mulle. Agora, mesmo vindo de uma sequência de duas derrotas e tendo que atuar como visitante, o elenco mostra confiança em conquistar o resultado positivo. “É um jogo complicado fora de casa e sabemos da qualidade deles (Operário). Temos que entrar ligados desde o início da partida para buscar o nosso objetivo que é a vitória. Temos que ganhar para sair dessa incomoda situação e vamos lutar até o fim para conquistar esta vitória que seria muito importante para nós”, disse o goleiro Rafael Betiol. CAMBORIÚ X JUVENTUS  O começo de semana foi agitado no Juventus. Isto porque a derrota para o Barra no sábado (26) acabou gerando duas mudanças no elenco. Uma delas foi a saída do técnico Eduardo Rodrigues que não resistiu a pressão pelos maus resultados da equipe e foi demitido na noite de segunda-feira (28). Outra mudança foram nos objetivos do clube dentro da Série B. Com a distância de oito pontos em relação ao Concórdia líder do returno, o grupo mudou o discurso, deixando o acesso de lado para focar totalmente na luta contra o rebaixamento, já que aparece em penúltimo lugar na classificação, com apenas três pontos de vantagem sobre o co-irmão Jaraguá. Ainda sem um treinador definido, o auxiliar Rafael Rocha deve comandar o time de forma interina para enfrentar um dos fortes candidatos a uma das vagas na Série A do ano que vem, o Camboriú. Para o polivalente Paulinho, o Tricolor sairá desta incô- moda situação no Estadual, mas pede atenção a cada rodada, iniciando neste duelo contra o Camboriú. “Antes tínhamos esperança do acesso, mas agora temos que viver a realidade. Desde que acompanho o Juventus nunca vi o clube passar por isso. Tenho certeza que não vamos cair, mas temos que enfrentar. Vamos ter um jogo muito difícil contra o Camboriú, mas temos que ir lá e jogar o jogo, procurando somar pontos para começar a subir na tabela”, afirmou.
 Leia mais:  Juventus anuncia demissão do técnico Eduardo Rodrigues