O Juventus não precisou mexer na sua programação da semana após a autorização do Governo de Santa Catarina para retomar o Campeonato Catarinense.

Diferentemente de algumas equipes no Estado, que haviam dado folga ao elenco, o Tricolor manteve suas atividades diárias, agora intensificadas com a liberação do Estadual, em que decidirá uma vaga na semifinal contra o Figueirense.

Antes do governo prorrogar a suspensão do torneio até o dia 7 de agosto, a partida de volta das quartas de final estava programada para essa terça-feira (28).

Com a reviravolta dois dias depois, ainda não está definido a data e hora do confronto decisivo, mas a tendência é que as equipes reabram a competição nesta quarta-feira (29).

“Confesso que foi um fim de semana de início ruim. Estava tudo programado para o jogo de decisão na terça-feira e ter que dar a notícia aos atletas que não teria mais o jogo acaba gerando um grande desconforto, principalmente emocional”, declarou Renê Marques, gestor do Juventus.

Gestor Renê Marques | Foto: Arthur Netto/Juventus

“Com a liberação no domingo começamos a correr contra o tempo para poder reorganizar tudo novamente e agora é torcer para comissão técnica junto aos atletas busquem uma confiança enorme para fazer um grande jogo e quem sabe classificar”, completou.

Após perder o jogo de ida por 2 a 1, no estádio João Marcatto, o Tricolor precisa vencer em Florianópolis para continuar sonhando com a classificação.

Vitória por um gol de diferença leva o jogo para as penalidades, enquanto um triunfo por dois ou mais gols de diferença dá vaga ao time jaraguaense.

 

Receba as notícias do OCP no seu aplicativo de mensagens favorito:

WhatsApp

Telegram Jaraguá do Sul