Em tarde ensolarada neste domingo em Jaraguá do Sul, o Juventus vence o Operário de Mafra no Estádio João Marcatto, em jogo válido pela décima quarta rodada do Campeonato Catarinense da Série B, competição que dá acesso a primeira divisão catarinense aos dois primeiros colocados. Com duas pinturas, o tricolor faz 3 a 1 no Operário e continua sonhando com o acesso, por sua vez, o time de Mafra, vê suas chances diminuírem. Pela primeira etapa, aos 11 minutos, Rilber (10) do Operário, foi expulso, ao acertar uma cotovelada no camisa 5 tricolor, Filie Cristiano, fora da disputa de bola. Seis minutos mais tarde, aos 17 minutos, Max cobra falta com maestria, vencendo o goleiro Enderson, abrindo o marcador a favor do Juventus. Enquanto o Moleque Travesso tentava ampliar o marcador, o Operário de Mafra oferecia perigosos contra ataques, quando aos 36 minutos, em confusão dentro da área tricolor, Uelison (8) chuta, a bola desvia no zagueiro Linno, enganando o goleiro Dida, empatando a partida e dando números finais a primeira etapa. Em superioridade numérica, o Juventus voltou mais ofensivo para a segunda etapa, quando aos 9 minutos, Sabiá resolve cantar no Estádio João Marcatto, em jogada pela lateral direita de Matheus Leiria, o lateral deixa Sabiá (9) na cara do gol, que não desperdiça e deixa o tricolor novamente a frente do placar. Aos 20 minutos, em pênalti sinalizado pelo árbitro Rodrigo D’Alonso Ferreira a favor do Operário, Uelison (8) não consegue vencer o goleiro Dida, que faz linda defesa, para delírio da torcida Juventina. A partida seguia com o Juventus criando boas oportunidades de ampliar o marcador e o Operário oferecendo contra ataques, salvos pelo paredão tricolor, o goleiro Dida. No apagar das luzes, aos 44 minutos da segunda etapa, Max dá assistência para Sabiá que sai na cara do gol e encobre o goleiro adversário, uma pintura de gol, o terceiro Juventino e garantido a vitória tricolor. Com o resultado, o Juventus chegou aos 26 pontos e ocupa a terceira posição na tabela de classificação, 3 pontos a menos que o segundo colocado e primeiro time dentro da zona de classificação a primeira divisão catarinense. Na próxima rodada, o tricolor vai até Itajaí, onde enfrenta o Marcílio Dias.

CONFIRA A CLASSIFICAÇÃO

tabela serie b SC Ficha Técnica: Juventus 3 x 1 Operário de Mafra Local: Estádio João Marcatto, em Jaraguá do Sul (SC). Data/Horário: 16/10/2016 às 16 horas. Árbitro: Rodrigo D’Alonso Ferreira Assistentes: Thiago Americano Labes e Eder Alexandre. Escalação do Juventus: Dida, Matheus Leiria, Linno (C), Alex Amaro, Filipe Cristiano, Rodolfo Testoni (Rodrigo Sirena), Jean (Ronaldo), Baiano, Sabiá, Max e Valber (Ruan). Time comandado pelo técnico Eduardo Clara. Escalação do Operário de Mafra: Enderson, João Neto, Lucas Montelares, Leandro Mancha, Duda, Kadson (Guaxi), Xipote (C) (Giovani), Uelison Santana, Bruno Andrade (Valdecir Amaro), Rilber e Édinho. Time comandado pelo técnico Jose Ivelton Santana de Jesus. Cartões Amarelos: Rodolfo Testoni (1T – 18′), Valber (2T – 19′) e Filipe Cristiano (2T – 24′) pelo Juventus. Kadson (1T – 26′) pelo Operário de Mafra. Cartão Vermelho: Rilber (1T – 11′) pelo Operário de Mafra. Gols: Max, aos 17 minutos da primeira etapa, a favor do Juventus. Kadson, aos 36 minutos da primeira etapa, a favor do Operário de Mafra. Sabiá, aos 9 minutos da segunda etapa, a favor do Juventus. Sabiá, aos 44 minutos da segunda etapa, a favor do Juventus. — Fonte: Assessoria Grêmio Esportivo Juventus