Técnico do basquete feminino, Julio Patrício (E), e presidente do Juventus, Cristiano Humenhuk (D), firmaram acordo nesta semana | Foto Eduardo Montecino/OCP News
Técnico do basquete feminino, Julio Patrício (E), e presidente do Juventus, Cristiano Humenhuk (D), firmaram acordo nesta semana | Foto Eduardo Montecino/OCP News

Nas décadas de 70 e 80 era comum ver clubes de futebol aderindo o basquete em seu quadro esportivo. Alguns mantêm a tradição nos dias de hoje, caso dos gigantes Corinthians, Flamengo, Vasco e Botafogo, assim como os catarinenses Joinville e Avaí, que dão suporte à modalidade.

Agora, chegou a vez do Juventus seguir uma tendência dos clubes de futebol de também terem presença no esporte da bola laranja.

Foto Eduardo Montecino/OCP News

Com contrato inicial de dois anos, o Moleque Travesso e o basquete feminino de Jaraguá do Sul fecharam uma parceria nesta semana, buscando o fortalecimento de ambas as marcas a nível nacional. A apresentação oficial do projeto acontece na próxima terça-feira (12), às 19h, na Unisociesc.

Sem a fusão de departamentos, as administrações dos clubes seguem independentes. A novidade fica por conta das ações em conjunto.

Sem o antigo parceiro Colégio Evangélico Jaraguá, o basquete feminino passa a adotar o uniforme do Tricolor e o nome de Basquete Jaraguá/Juventus/Secel nas mais diversas competições estaduais e nacionais.

Haverá também divulgação em todas as mídias do basquete e do Juve, além de apoio em eventos e jogos ao longo da temporada.

“A credibilidade que estamos resgatando junto com a que o basquete já tem tornará a marca de ambos o mais forte possível. É uma grande parceria”, disse Cristiano Humenhuk, presidente do Juventus.

Foto Eduardo Montecino/OCP News

Outro atrativo para o martelo ter sido batido foi a união do público. Com objetivos semelhantes, os clubes esperam levar os amantes dos dois esportes para as partidas no estádio João Marcatto e ginásio Arthur Muller.

“A ideia é ver o pessoal do basquete prestigiando o futebol e vice-versa. As duas gestões são competentes e querem o melhor de suas equipes, então todo mundo ganha. É um casamento que tende a dar muito certo”, destaca Julio Patrício, técnico principal do basquete feminino jaraguaense.

A estreia das meninas com o fardamento tricolor acontece neste mês de março, no Campeonato Catarinense Sub-17, ainda sem data definida.

 

Quer receber as notícias no WhatsApp?