Na manhã desta segunda-feira (8), o jogador de futebol Franco Acosta, de apenas 25 anos, foi encontrado morto pela Marinha Nacional do Uruguai.

Ele e o irmão tentaram atravessar um riacho de 3 a 4 metros de profundidade a nado, no último sábado (6).

O irmão desistiu do trajeto e voltou à margem, mas Acosta não conseguiu fazer o mesmo e se afogou no local, sendo encontrado somente após dois dias de procura.

O jogador atuava como atacante e passou pelas equipes do Villarreal (Espanha), Fênix (Uruguai), Racing (Espanha), Boston River (Uruguai), e Atenas (Uruguai), último clube pelo qual jogou.