Segundo o jornal Daily Star, o lateral-esquerdo Kyle Walker foi afastado da seleção inglesa por tempo indeterminado. E o motivo é o que mais chama atenção.

De acordo com o periódico, o jogador do Manchester City fez uma orgia com duas prostitutas durante o período de confinamento exigido na Inglaterra por conta da pandemia do novo coronavírus.

O técnico da seleção inglesa Southgate se manifestou sobre o caso e afirmou que não vai tolerar jogadores que "desrespeitarem a profissão".

Após toda repercussão no país, Walker pediu desculpa através das redes sociais.

“Eu quero pedir desculpas pelas escolhas que eu fiz na última semana. Eu entendo que minha posição como jogador de futebol profissional traz a responsabilidade de ser um modelo de comportamento. Por isso, peço desculpas à minha família, amigos, ao clube que eu defendo, aos torcedores e a qualquer um que eu decepcionei”, declarou.

 

Receba as notícias do OCP no seu aplicativo de mensagens favorito:

WhatsApp

Telegram

Facebook Messenger