O Brusque venceu o Brasil de Pelotas, por 2 a 0, pela 27ª rodada da Série B, noite da quarta-feira (29). Apesar da vitória, o que marcou a partida foi mais um caso de racismo no futebol brasileiro.

Conforme informou o Brusque, um atleta da sua equipe foi chamado de "negro desgraçado" por um torcedor do Brasil-RS, na segunta etapa da partida.

O jogador Sandro, do Brusque Futebol Clube, estava aquecendo quando o torcedor direcionou o xingamento ao atleta. Ele relatou ao árbitro, que paralisou o jogo.

A polícia retirou o homem da arquibancada e o árbitro registou o acontecimento na súmula.

Confira a nota do Brusque

"Durante o segundo tempo da partida entre Brasil de Pelotas e Brusque Futebol Clube, que aconteceu na última quarta-feira (29), um torcedor do Brasil de Pelotas cometeu ato de racismo, ao chamar o zagueiro Sandro de "negro desgraçado".

O torcedor foi detido pelas autoridades policiais e o fato foi relatado na súmula do jogo.

O clube lamenta pronfundamente o episódio, informa que dará o apoio necessário ao atleta e tomará todas as medidas cabíveis."

Casos de racismo

Recentemente, o clube catarinense foi multado e perdeu três pontos na Série B do Campeonato Brasileiro, após o caso de injúria racial contra o jogador Celsinho, do Londrina.

Na ocasião, em partida pela Série B, o presidente do conselho do clube direcionou "cachopa de abelha" ao atleta durante a partida entre Brusque e Londrina, no estádio Augusto Bauer, em Brusque.