O volante Ezequiel não resistiu a luta contra leucemia e morreu aos 22 anos. O jogador pertencia ao Perilima e estava emprestado ao Campinense, que disputa a Série C do Campeonato Brasileiro.

O atleta não atuava desde julho de 2021, quando começou a tratar a doença, que foi diagnosticada após ele passar mal em um treino.

O Campinense lamentou a morte de Ezequiel nas redes sociais e destacou que fará homenagens neste sábado (16), no jogo contra o Ferroviário/CE, pela Série C.

“O promissor volante de 22 anos, nascido em março de 2000, lutava bravamente contra a leucemia desde julho de 2021, quando foi diagnosticado com a doença, mas infelizmente acabou não resistindo ao tratamento”, escreveu o clube.