Neste sábado (27), o Joinville confirmou que 19 pessoas do elenco testaram positivo para o novo coronavírus.

Deste total, são 12 jogadores e sete membros da comissão técnica e estafe. Os nomes não foram revelados.

Com o surto da doença, o clube pediu para a Federação Catarinense de Futebol adiar os jogos contra o Marcílio Dias, neste domingo (28), e Metropolitano, na quarta-feira, dia 3 de março, pelo Campeonato Estadual.

Porém, a entidade negou, alegando o cumprimento do artigo 25 do regulamento da competição, que prevê o adiamento apenas quando uma das equipes não possua, ao mínimo, 13 atletas à disposição.

“Fica assegurada a realização das partidas de clubes que tiverem jogadores sido infectados pelo novo coronavírus (Covid-19), desde que possuam, no mínimo, 13 (treze) atletas, devidamente registrados para a disputa da competição, conforme decisão do Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD) do Futebol referente aos processos n° 171/2020 e 172/2020, que se baseou no Protocolo da UEFA (Union of European Football Associations), onde estabelece que as partidas somente deverão ser adiadas, na hipótese em que determinado clube restar com menos de 13 (treze) jogadores registrados no seu plantel”, diz o artigo 25.