O pesadelo da série D se concretiza rodada após rodada e, depois de ser goleado neste sábado (14), o Joinville só se livra do rebaixamento com um milagre. Na Arena Pantanal, o Tricolor não viu a cor da bola e o resultado foi um 5 a 0 para o Cuiabá, que poderia até mesmo ter um placar ainda mais elástico a seu favor.

Com direito hat-trick de João Carlos e gols de Eduardo Ramos e Adriano, o Cuiabá construiu uma goleada histórica e segue na vice-liderança do grupo B, enquanto o Joinville amarga a lanterna e está praticamente rebaixado, com apenas 10 pontos em 14 partidas. Cinco pontos separam o JEC do primeiro time fora da zona de rebaixamento e, além disso, a campanha com 20 gols negativos de saldo, não ajuda, restando apenas quatro rodadas para o fim da primeira fase.

Em Cuiabá, João Carlos abriu o marcador aos 15 minutos da primeira etapa, na sequência, Eduardo Ramos ampliou em cobrança de pênalti. Antes mesmo do intervalo, aos 43, João Carlos ampliou e marcou o terceiro dos donos da casa, o seu segundo na partida.

O hat-trick de João Carlos foi sacramentado aos nove minutos da segunda etapa e, aos 36 minutos, Adriano fechou a conta para o Cuiabá.

Após o desastre no Mato Grosso, o técnico Márcio Fernandes garantiu que ações importantes devem acontecer para evitar a queda. “Nós não vamos cair, pode ter certeza disso. Não sei o que vamos fazer, mas medidas drásticas serão tomadas. Jogadores vão ter que segurar um pouco a marimba”, assegurou.

O JEC volta a campo no próximo domingo (22), quando enfrente o Botafogo, às 15h30, na Arena Joinville. O time do interior paulista é o terceiro colocado do grupo B.