Poucas horas depois de anunciar a saída do zagueiro Emerson Silva, o JEC apresentou, na tarde desta quinta-feira (24), o novo reforço para o setor defensivo. O zagueiro Gualberto, de 28 anos, já passou por Paysandu, Penapolense, Oeste, América-MG, Criciúma, Botafogo-SP e estava no Nacional-SP. O zagueiro é “cria” da base do Palmeiras e chega para compor um dos setores mais criticados do Tricolor. A defesa do Joinville tomou 13 gols em seis jogos e tem um saldo de -10.

O zagueiro foi indicação de Márcio Fernandes, com quem trabalhou em 2016, no Botafogo-SP. “É um prazer imenso poder estar vestindo a camisa do Joinville. Sabemos que a situação é muito difícil e eu espero ajudar meus companheiros a tirar o time dessa situação. Com tanta história e com uma camisa como a do Joinville, não podemos deixar o time na última colocação”, afirmou o jogador em entrevista coletiva.

Gualberto ainda não atuou neste ano, mas garante que o ritmo de treinamento foi intenso. “Acho que ninguém treinou mais do que eu nesse período que fiquei sem jogar, talvez domingo falte um ritmo de jogo, mas vontade e determinação vão recompensar”, destacou.

O Joinville tenta a regularização do atleta no BID até sexta-feira para que o zagueiro possa estar disponível para o jogo contra o Tupi neste domingo, na Arena Joinville.