O jovem 
Willian Lima  treina três vezes por dia em Balneário Camboriú - Fotos: Eduardo Montecino/OCP Online
O jovem Willian Lima treina três vezes por dia em Balneário Camboriú - Fotos: Eduardo Montecino/OCP Online
"Meu sonho é chegar no UFC”. É com essa ambição que o jaraguaense Willian Lima vai trilhando seus passos no MMA. Com apenas 18 anos, o atleta é uma das maiores promessas do esporte brasileiro e carrega um currículo invejável. Com um cartel de mais de 20 vitórias em competições amadoras, somada a outras cinco como profissional, o jovem segue firme no caminho para o evento mais badalado das artes marciais mescladas.
Talento para alcançar este objetivo não falta. Isso quem garante é o seu professor, Marcelo Brigadeiro. “O Willian é um garoto diferenciado. Por ser muito novo estamos trabalhando no seu amadurecimento como atleta e pessoa. É um diamante que está sendo lapidado. Não tenho dúvidas que ele vai chegar no UFC”, disse. O empenho e o semblante compenetrado nos treinamentos mostram onde o garoto pretende chegar.
_PRF1642-2
Tudo começou aos oito anos de idade, quando Lima entrou na academia Show Tie, de Jaraguá do Sul, onde permaneceu até os 16 anos. Com o talento apresentado em torneios estaduais e nacionais, ele se transferiu para uma das escolas mais renomadas do país, a Astra Fight Team, de Balneário Camboriú, no qual treina três vezes por dia, de segunda a sábado, e tendo como companheiros o campeão do TUF Brasil, Glaico França, além do também lutador do UFC, Darren Till. “Ele (Willian) sempre gostou de luta. No começo era uma brincadeira, mas vimos o talento que ele tinha e o levamos para Balneário. Foi uma escolha certa, porque ele está se saindo super bem nos eventos e hoje é o maior orgulho da família”, destacou o tio e assessor do atleta, Sandro Lima.
Invicto até o momento, o jaraguaense teve a sua primeira luta televisionada na carreira no último domingo (20), quando venceu o gaúcho Douglas Felipe, de 23 anos, durante o Aspera Fighting Championship (AFC) 33, realizado na cidade de São José (SC). Além de não ter sofrido nenhuma derrota no octógono, Lima ainda se destacou no ano passado ao ser campeão brasileiro de Muay Thai e campeão catarinense de jiu-jitsu. Agora, ele segue os treinos intensivos visando a próxima luta, que deve ocorrer em julho, sem adversário definido. “Para chegar no UFC preciso treinar muito e me dedico para isso. Acredito que estou no caminho certo. Treino com grandes lutadores e mestres, e vou me preparar bem para chegar na próxima luta e me manter invicto”, destacou Willian Lima.