Willian Lima se recuperou rápido da primeira derrota no MMA profissional, sofrida no mês de junho no SFC, o maior evento da Rússia. Na Arena da Baixada, em Curitiba (PR), o jaraguaense venceu Jackson Tortora por decisão unânime dos juízes, na 2ª edição do Fight Music Show (FMS), que aconteceu no domingo (25).

Conhecido por nocautes impressionantes ao longo da carreira, o Malvadeza, como é conhecido, montou uma estratégia diferente e procurou levar o combate para o chão, já que o adversário tinha o muay thai como sua especialidade.

E deu certo. A maior parte da luta foi no chão e definido só no último round, com a vitória de Willian por decisão unânime.

“Por eu ter ficado um tempo parado e ter perdido na Rússia eu precisava dessa vitória. Por isso, fizemos uma estratégia mais inteligente e com mais cautela pra sair com a vitória. Ganhar nesse grande evento que é o Fight Music Show foi de extrema importância para minha carreira”, disse o atleta da American Top Team.

Willian com sua equipe após a vitória | Foto: Acervo pessoal

Willian Lima agora tem um cartel de 11 vitórias, uma derrota e um ‘no contest’ (luta sem resultado) no MMA.

Já na luta principal da noite, o tetracampeão mundial de boxe Acelino "Popó" Freitas nocauteou a lenda do MMA José "Pelé" Landy em apenas 1min25s de luta.