Com os primeiros passos dados no projeto ‘O Pequeno e a Bola’, de Jaraguá do Sul, Clayton Silveira da Silva, não deve mais jogar pelo Atlético-MG.

Apesar do vínculo com o Galo até 31 de dezembro de 2020, o atacante de 24 anos foi comunicado pela diretoria que está fora dos planos e não se reapresentará junto ao elenco na próxima segunda-feira (11), quando os atletas farão exames médicos.

Antes da paralisação das atividades por conta da pandemia do novo coronavírus, o filho do técnico Biro - ex-jogador profissional e formador de atletas na cidade jaraguaense - chegou a treinar com o grupo, mas a expectativa de atuar sob o comando de Jorge Sampaoli não se confirmou.

Atacante esteve no Vasco em 2019 | Foto Rafael Ribeiro/CRVG

Contratado pelo Atlético em 2016 por 2,5 milhões de euros junto ao Figueirense, o jogador ainda tem futuro incerto.

Além do Galo, Clayton defendeu outras três equipes nacionais por empréstimo durante esse período: Corinthians, Bahia e Vasco.

 

Receba as notícias do OCP no seu aplicativo de mensagens favorito:

WhatsApp

Telegram Jaraguá do Sul