O gosto pela adrenalina dentro de um carro, buggy e UTV ou em cima de uma moto ou quadriciclo traz cada vez mais adeptos ao rally.

Com a ascensão do esporte, surgem grandes talentos que prometem brilhar no Brasil e mundo afora. E um desses personagens é um adolescente de Jaraguá do Sul.

Com apenas 18 anos, Guilherme Tomelin desponta como um dos maiores nomes do país no quadriciclo.

Status que vem conquistando por uma evolução gradativa e notória nos últimos anos, em uma trajetória que já dura seis anos.

Foto: Divulgação

Assim que ganhou seu primeiro quadri em 2015, o jaraguaense já vislumbrava um futuro como competidor na categoria, tanto que passou a frequentar encontro de trilheiros e assistia vídeos de rally ainda muito novo.

A entrada em eventos parecia questão de tempo. E ela veio em 2018, após longo período de preparação. Logo na primeira prova, disputada no Catarinense, foi campeão geral.

A partir daí, o espírito competitivo só cresceu, fazendo o jovem acumular feitos. Desde então, Guilherme virou profissional, angariou patrocinadores e conquistou títulos imponentes, como o Campeonato Brasileiro do ano passado e o bicampeonato estadual (2019 e 2020).

Todos na categoria Força Geral, a principal do esporte, que levaram o garoto ao Top 5 dos melhores pilotos do Brasil entre motos e quadriciclos.

“A satisfação é muito grande. Sempre sonhei com isso, sabemos o quão difícil e o quanto custa caro para estar lá. Temos que nos sacrificar de muita coisa, mas é meu sonho e penso em coisas maiores daqui pra frente”, destacou.

Objetivos e busca por apoio

Esses voos maiores já estão traçados por Guilherme. Para 2021, o objetivo é manter a hegemonia nos Campeonatos Brasileiro e Catarinense.

Já para o ano que vem, as metas são ainda mais audaciosas. O piloto quer se preparar bem na atual temporada para estrear em 2022 no Rally dos Sertões, a competição off-road mais importante do Brasil, ou no Campeonato Europeu, em Portugal.

Foto: Divulgação

Para isso, ele busca novos patrocinadores para as diversas despesas das competições. O projeto está pronto e os interessados devem entrar em contato pelo telefone (47) 98810-2525.

“Espero que meus resultados tragam mais visibilidade para o esporte em si, e estimule a prática de mais adeptos da adrenalina”, afirmou.