Após a eliminação nas oitavas de final da Liga Nacional, com a derrota por 4 a 2 no último sábado (7) para o Marreco, na Arena Jaraguá, a ordem no Jaraguá Futsal é erguer a cabeça e seguir em frente. Com as disputas do Campeonato Catarinense e Jogos Abertos de Santa Catarina (Jasc) no calendário até dezembro, o aurinegro agora tira as lições do torneio nacional para a sequência da temporada. O elenco se reapresenta aos treinamentos nesta quarta-feira (11), visando os últimos três compromissos na primeira fase do Estadual, competição na qual ocupa a vice-liderança com apenas um ponto atrás do primeiro colocado, o Concórdia. O primeiro desafio depois da queda na Liga será no dia 17 deste mês, quando encara o Blumenau, fora de casa. Depois, também atua como visitante contra o Tubarão, no dia 24, e fecha sua campanha na fase classificatória, diante do Mafra, na Arena, em data ainda não definida pela organização. O objetivo é terminar esta etapa na liderança para trazer os jogos decisivos de mata-mata para Jaraguá do Sul. Já o Jasc acontece no mês de novembro, em Lages. Apesar do sentimento de tristeza por dar adeus ao sonho do quinto título da maior competição do salonismo brasileiro, o grupo segue focado para fechar 2017 com um título. E um grande aliado para alcançar esta meta está nas arquibancadas. Ao fim da partida contra o Marreco, os jogadores não deixaram de enaltecer a torcida, que compareceu em grande número na Arena e empurrou a equipe do início ao fim do jogo. “Fica um sentimento de tristeza, mas ao mesmo tempo de muita alegria por ver a Arena cheia como estava. Essa torcida é maravilhosa e vamos dar o máximo no restante do ano para retribuí-la com um título”, disse o ala Oitomeia. LEIA MAIS: - Apesar da torcida, Jaraguá Futsal perde para o Marreco e cai na Liga Nacional - “Queremos que a Arena vire um caldeirão a nosso favor”, pede técnico do Jaraguá Futsal