Jaraguá comemora primeiro gol marcado pelo fixo Valença, de pênalti - Foto: Ulisses Castro/ACBF
Jaraguá comemora primeiro gol marcado pelo fixo Valença, de pênalti - Foto: Ulisses Castro/ACBF
Não faltou emoção no duelo entre Jaraguá Futsal e Cascavel, realizado na tarde de hoje (1º), pela segunda rodada da Taça Brasil de Clubes. Após sair na frente do placar com gol de Valença, o aurinegro acabou cedendo a virada para os paranaenses em 3 a 1, mas teve forças na etapa final e conseguiu o empate em 3 a 3, no Centro Municipal de Eventos Sérgio Luiz Guerra, em Carlos Barbosa (RS). Com o resultado, o time jaraguaense somou seu segundo empate no Grupo E1, já que ficou no 0 a 0 na estreia contra o Minas.
O técnico Sergio Lacerda manteve a mesma formação da estreia e mandou a quadra a equipe titular com Franklin, Valença, Galo, Yuri e Poletto. Assim como na partida contra o Minas, o Jaraguá dominou a posse de bola e criou as melhores chances no primeiro tempo, enquanto o Cascavel apostava nos contra-ataques para surpreender os jaraguaenses. Restando pouco mais de quatro minutos para o fim da etapa inicial, Yuri foi derrubado dentro da área e o juiz assinalou pênalti. Na cobrança, Valença bateu bem e fez o primeiro gol do aurinegro no ano. Mas a equipe nem teve tempo para comemorar.  Menos de um minuto depois, Guilherme acertou um belo chute após cobrança de escanteio e deixou tudo igual antes do intervalo.
O segundo tempo começou um pouco diferente do primeiro, com os paranaenses tendo uma presença maior no setor ofensivo, tanto que conseguiu a virada logo aos três minutos, com Batata. O gol abateu os jogadores do Jaraguá que viram Guilherme, aos nove, marcar o segundo dele e o terceiro do Cascavel. Apesar da desvantagem, o time jaraguaense não estava ‘morto’ no jogo e descontou o placar com Poletto, aos treze minutos. A partir daí, o aurinegro passou a pressionar o adversário em busca do empate, feito que conseguiu, aos quinze minutos, com Yuri. O gol da igualdade animou os comandados de Lacerda que criaram mais algumas oportunidades para virar o marcador, mas o 3 a 3 se manteve intacto até o apito final do juiz.
Em busca da primeira vitória no campeonato, o Jaraguá volta a quadra, amanhã, para o confronto teoricamente mais complicado da chave. Às 20h, a equipe encara o atual campeão da Liga Nacional e anfitrião Carlos Barbosa, em duelo válido pela terceira rodada da fase classificatória.