Jaraguá estreia segunda (29) na Taça Brasil e pode ter um desfalque

Equipe vem treinando em dois períodos para suprir o período curto de atividades - Foto: Eduardo Montecino/OCP Online Equipe vem treinando em dois períodos para suprir o período curto de atividades - Foto: Eduardo Montecino/OCP Online

Esporte

Por: OCP News Jaraguá do Sul

quinta-feira, 04:00 - 25/02/2016

OCP News Jaraguá do Sul
Cinco dias. Este é o tempo exato para o Jaraguá Futsal, enfim, entrar em quadra na temporada. Após pouco mais de 20 dias de trabalhos alternados entre físicos e técnico-táticos, o elenco aurinegro entra na reta final da preparação para a Taça Brasil, que começa na próxima segunda-feira (29), em Carlos Barbosa (RS). Mesmo com um grupo reformulado para 2016 e o período curto para treinamentos até o início da competição nacional, o foco dos atletas e comissão técnica é o mesmo: defender o título conquistado no ano passado. Mas a tarefa não será das mais fáceis. Superar a falta de entrosamento e de ritmo de jogo são os maiores obstáculos do grupo recém-formado, que irá disputar seis competições no ano. Uma das caras novas do time jaraguaense, o fixo Alvim, ex-Copagril, ressaltou as dificuldades passadas pela equipe neste começo de temporada, mas destacou a força do elenco para driblar os problemas e fazer uma boa campanha no Rio Grande do Sul. “Claro que no início pecamos um pouco no entrosamento, porque são muitos jogadores novos e demanda tempo para entrosar. Tentamos superar isso em conversas e muito trabalho nos treinamentos. Agora é ir para este teste final para ver se tudo o que fizemos nos treinos vai dar certo na prática”, disse. O Jaraguá deve ter um desfalque para a Taça Brasil. Ainda sem autorização da Fifa, devido aos trâmites na transferência do Japão para o Brasil, o ala Éder dificilmente terá a situação regularizada até o pontapé inicial do certame. O técnico Sergio Lacerda aposta na gana dos atletas em manter o clube em evidência no país como um dos grandes trunfos para a estreia no campeonato contra o Minas. “Dosamos alguns trabalhos devido ao número menor de atletas que temos em mãos. Há uma dificuldade inicial por ser tudo novo e perdemos no quesito conjunto, mas se ganhou muito na entrega. Temos que ressaltar a motivação dos jogadores que vem treinando muito forte e todos estão muito centrados na Taça Brasil para estrear bem contra o Minas e fazer uma boa campanha”, afirmou.
×