A tarde de sábado (24) será especial para o futebol americano da região. Depois de seis anos, Jaraguá Breakers e Corupá Buffalos voltam a se enfrentar em uma competição oficial da modalidade, já que o último encontro foi no Estadual de 2012, quando os corupaenses levaram a melhor na ocasião. Agora, eles estão prontos para escrever um novo capítulo do histórico clássico do esporte da bola oval. Pela abertura do Campeonato Catarinense 2018, os rivais duelam às 14h, na Recreativa da Menegotti, em Jaraguá do Sul.
E o kickoff para o principal campeonato do Estado chega com grandes novidades, tanto pelo lado jaraguaense, como da vizinha Corupá. Mandante, os ‘Quebradores’ tiveram uma grande baixa para atual temporada após o head coach e quarterback Jackson Kestring se desligar do clube. Em contrapartida, o clube manteve a base campeã da Conferência Sul e vice da Liga Nacional do ano passado, e ainda se reforçou com 12 novos atletas, vindos de times catarinenses, inclusive do próprio Buffalos, e outros do Paraná, que serão comandados por Rodrigo Beda, ex-coordenador defensivo.
LEIA MAIS:
Jaraguá Breakers apresenta novidades dentro e fora de campo
“Estamos muito contentes por esses 60 dias de trabalho que tivemos até agora. Apesar da saída do Kestring, não tivemos grandes baixas no elenco e trouxemos atletas de outras cidades para suportar o desgaste do Estadual e BFA (Brasil Futebol Americano) – divisão de elite no país. A equipe está mais homogênea e nosso objetivo é chegar aos playoffs do Catarinense”, declarou Everton Gnewuch, presidente e wide receiver do Breakers.
No Buffalos, a confiança é grande em uma boa trajetória no seu retorno ao Estadual, uma vez que a equipe ficou de fora da disputa em 2017. Para isso, a ‘Manada’ assegurou boa parte do grupo que conquistou o título inédito da Copa Sul na última temporada e apresentou dois mexicanos como suas principais contratações para o Catarinense e Liga Nacional no segundo semestre. Trata-se do head coach Rodrigo Ríos Martinez e o quarterback David Gonzalez Caballero.
VEJA MAIS:
Corupá Buffalos anuncia duas contratações para temporada
“Dentro daquilo que planejamos está melhor do que imaginávamos. Mantivemos jogadores importantes e trouxemos os dois mexicanos com uma ideologia e filosofia diferente do que tínhamos até então. Acredito que vamos desempenhar um bom papel no ano e sermos competitivos. Entramos no Estadual buscando os playoffs, assim como na Liga Nacional no segundo semestre”, destaca Jeferson Maciel Breganholi, presidente e atleta da linha defensiva do Buffalos.
Por todos estes fatores, somado aos ingredientes que cercam um clássico, e, sobretudo, em uma abertura de campeonato, a expectativa é de um embate muito equilibrado na Menegotti. “O nosso foco principal vai ser no quarterback deles (Buffalos) e se aprendermos rápido o que ele consegue fazer, isso pode nos ajudar. Mas é o primeiro jogo e ainda não temos o entendimento de muita coisa. Acredito que vai ser um jogo interessante e vamos buscar fazer uma partida mais perto da perfeição possível”, disse Everton Gnewuch, presidente e wide receiver do Breakers.
“É difícil avaliar o adversário quando se enfrenta na primeira rodada. Sabemos alguns pontos fortes deles, mas a maioria não, pela temporada estar iniciando. Não tem um fator preponderante para o resultado final. Então vamos tentar fazer um jogo equilibrado, implementando o jogo de ataque e defesa, sempre em busca vitória. Acredito que o time que entrar mais concentrado e preparado vai errar menos e vencer o jogo”, afirmou Jeferson Maciel Breganholi, presidente e atleta da linha defensiva do Buffalos.
INGRESSOS
Os ingressos antecipados para o clássico entre Jaraguá Breakers e Corupá Buffalos seguem à venda nos seguintes pontos de Jaraguá do Sul: Escola de Inglês Get it!, Clean Card, Estação Open Bar, Clínica Setes, Faculdade Jangada e Barbi Academia. O valor é de R$ 10. No dia do jogo, os ingressos serão comercializados na entrada da Menegotti, também por R$ 10.
FÓRMULA DE DISPUTA
Ao todo, sete equipes buscarão o título do Campeonato Catarinense 2018. Além de Breakers e Buffalos, o torneio será disputado por Tubarão Predadores, São José Istepôs, Itajaí Dockers, T-Rex e Gaspar Black Hawks. A temporada regular terá 14 jogos e cada time jogará quatro partidas, sendo duas contra integrantes do nível 1 e outras duas diante do nível 2. O nível 1 é formado por equipes que disputarão a BFA, caso de Breakers, Istepôs e T-Rex, enquanto o nível 2 reúne os participantes da Liga Nacional ou Copa Sul: Buffalos, Black Hawks, Dockers e Predadores. Os quatro melhores colocados avançam aos playoffs que terá formato de semifinal e final, sem a repescagem (wild card).