Tetracampeão Loes (E) e atual campeão Angerô fazem uma das semifinais | Fotos Lucas Pavin/Avante! Esportes
Tetracampeão Loes (E) e atual campeão Angerô fazem uma das semifinais | Fotos Lucas Pavin/Avante! Esportes

Após uma pausa de sete dias desde a realização da fase de repescagem, o 26º Torneio de Verão, o Aberto de Futsal de Schroeder, será retomado na noite desta sexta-feira (15).

No ginásio Alfredo Pasold, quatro equipes de três cidades diferentes entram em quadra, buscando as duas vagas na tão sonhada final do campeonato.

Topsun x Cruzeiro

Com promessa de muita emoção, a bola pesada começa a rolar a partir das 19h45, com os schroedenses da Topsun WEG/EF Tecidos – base do bicampeão Cartório Jacoby -, enfrentando o Cruzeiro/Rede/Zandoná/Butuca, de Massaranduba, que ainda caça seu primeiro caneco na história.

Os anfitriões venceram as três partidas em que disputaram até aqui, desempenho que rendeu uma classificação direta à semifinal após a liderança na Chave A.

Topsun, do artilheiro Rato (E), e Cruzeiro, de Cleitão (D), brigam pela outra vaga na final | Fotos Lucas Pavin/Avante! Esportes

Já os massarandubenses perderam o primeiro jogo da Chave B, mas engataram uma sequência de três vitórias desde então, entre grupo e repescagem.

“Respeitamos todo mundo, mas temos um time para chegar e os jogadores estão conscientes disso. Vamos enfrentar um grande adversário, mas estamos preparados para buscar essa classificação”, diz Xoxo, capitão e técnico da Topsun.

“Fizemos uma grande campanha e atingimos o primeiro objetivo que era voltar as semifinais. Agora, qualquer detalhe decide o jogo pela força das duas equipes e quem for mais eficiente vai vencer”, destaca Henrique Morsch, capitão do Cruzeiro.

Angerô x Loes

Na sequência, às 20h45, o atual campeão Angerô, de Schroeder, terá pela frente o tetracampeão Loes/HLS/Cia do Esporte, de Blumenau, em um reencontro entre as equipes. Na primeira fase, os schroedenses levaram a melhor ao vencer por 3 a 2.

Líder da Chave B, considerada o “grupo da morte”, os donos da casa avançaram diretamente à semi com dois triunfos e um revés, enquanto os blumenauenses tiveram que passar pela repescagem, vencendo duas partidas e perdendo outras duas até aqui.

“Esperamos um jogo bem equilibrado, assim como foi na primeira fase. Mas semifinal muda tudo. Nossa confiança é grande e esperamos fazer um grande jogo para buscar essa vaga na final”, comenta Jonathan Jurck, o Ice, capitão do Angerô.

“As duas equipes se equivalem muito. Sabemos que eles jogarão fechados e buscando o contra-ataque, forma como foram campeões no ano passado. Acredito que o jogo será decidido nos detalhes e quem vai ganhar com isso será o torcedor”, declara Edinho, técnico do Loes.


Lembrando que os confrontos terão duração de 40 minutos cronometrados, divididos em dois períodos de 20 minutos.

Na fase inicial, eram disputados em dois tempos de 15 minutos cronometrados. Em caso de empate no tempo regulamentar, a decisão dos finalistas sairá na cobrança de penalidades máximas.

Haverá um pequeno lote de ingressos à venda, a partir das 18h30, na entrada do ginásio Alfredo Pasold. O valor é de R$10.

Para quem não adquirir a entrada, um telão ao lado do ginásio exibirá os confrontos semifinais. De momento, o Torneio de Verão apresenta uma média de 7,78 gols por jogo, com 109 tentos anotados em 14 partidas.

 

Quer receber as notícias no WhatsApp?