Resumo da notícia:

  • Figueirense confirma Augusto Bauer para jogos na sequência do Catarinense
  • Decisão vale a partir das quartas de final, contra o Juventus
  • Nova mudança só acontecerá se a Prefeitura de Florianópolis liberar o Orlando Scarpelli

Ainda sem a liberação do estádio Orlando Scarpelli, o Figueirense optou pelo estádio Augusto Bauer, em Brusque, para mandar seus jogos na sequência do Campeonato Catarinense.

“Fizemos estudos e análises, desde Palhoça, São José, Brusque e Tubarão. Atualmente, caso o Figueirense não possa jogar em Florianópolis, o local mais indicado é o estádio próprio do Carlos Renaux, em Brusque”, confirmou o presidente do clube, Norton Boppré, em entrevista à Rádio Figueira.

O clube da capital havia tentado a liberação do Campo do Avante e no Centro de Formação e Treinamento (CFT) do Cambirela, ambos em Palhoça, mas não recebeu aprovação da Federação Catarinense.

Com isso, o Figueira sediará a partida de volta das quartas de final do Estadual, contra o Juventus, no dia 12 de julho, no Augusto Bauer.

A diretoria só mudará o local caso a Prefeitura de Florianópolis libere o Orlando Scarpelli até a data do jogo.

“Há uma confiança de que os nossos jogos, especialmente esse de votla contra o Juventus, aconteça em Florianópolis. O presidente da Federação, Rubens Angelotti, está confiante. Os últimos encaminhamentos da Prefeitura sinalizam para isso” completou Boppré.

 

Receba as notícias do OCP no seu aplicativo de mensagens favorito:

WhatsApp

Telegram Jaraguá do Sul